20080405

Mexes comigo

Quando me tocas,
Me mexes
Mexes comigo.
Acuso o perigo
Nos beijos trocados,
Desabridos,
Fogosos,
Tão apaixonados
Que me podes ler,
E assim saber
Que ao me tocar
E ao me mexer
Mexes comigo!

12 comentários:

BANDEIRAS disse...

Bom dia amiga além mar.

Acordei cedo para visitar os amigos, e em busca de um pouco de sol, lá pelos lado do meu blog agora é outono.
bjs

Bruxinhachellot disse...

Um simples toque é capaz de coisas indescritíveis.

Beijos de Sol e de Lua.

NAELA disse...

Linda, cada toque aprofunda mais o meu sentir!
Um beijo e um bom fim de semana;)

lua prateada disse...

Mas é tão bom ...mexer não é?eheheh
Amiga passei para te desejar um belo fim de semana e dizer-te...
Não caminhes á minha frente,posso não saber seguir-te, mas também não caminhes atráz de mim, posso não saber guiar-te.
Mas caminha a meu lado e, sê apenas minha amiga.
Beijinho prateado com carinho
SOL

Alice Matos disse...

Sentir que algo "mexe" connosco é viver...

Gostei...

Um beijinho para ti...

Joaninha disse...

ui, ui, ui como que te compreendo ;)

Twlwyth disse...

Que boa esta forma de mexer com as palavras e não só... :)

Boa semana

© efeneto disse...

...quais são os sentimentos de amor que não mexem connosco?...sempre mexem. um beijo de amizade e obrigado pela sua visita.

Rui disse...

Ajuda-me no guisado da vida: pega também na colher e mexe comigo.

bruno cunha disse...

belo poema e obrigado por teres passado pelo meu blog (como o descobriste?)
ele anda 1 pouco desactualizado mas em breve prometo mais contos e poemas no meu blog
;)

Filoxera disse...

Fui lendo. Algo nestas linhas me faz lembrar leituras anteriores.
Gostei particularmente deste poema.
Até breve.
Beijos.

Patrícia disse...

Gostei da tua poesia . E tambem gostei do teu cantinho . Como tal, passarei por aqui mais vezes. beijinho *